Já abordamos nesse blog alguns pontos importantes sobre adquirir uma loja virtual pronta, que na verdade só é sua pelo tempo em que for paga uma quantia mensal, caracterizando, assim, um aluguel dessa plataforma. Mas o fato de ser alugada não quer dizer você estará recebendo um produto completo, como uma loja virtual especialmente feita para seu negócio, nem que você só terá acesso a uma parte dela. Por isso, é importante voltarmos ao assunto para colocar em questão quais são os pontos positivos e negativos que devem ser levados em conta na escolha de sua plataforma:

Depositphotos.com/Elnur_ Antes de se decidir por este tipo de negócio, é necessário avaliar as vantagens e desvantagens.

Vantagens da loja virtual pronta:

Rapidez – Somente quem já esteve e
envolvidos até que tudo comece a funcionar. No caso das lojas prontas, isso tudo já está funcionando e basta que seja minimamente configurada para que comece a vender.

  1. Custo – Essa é, de longe, a vantagem mais citada quando se fala em loja virtual pronta. O valor da locação, na grande maioria dos casos, é muito menor que o preço de uma loja virtual customizada, mesmo que seja feito o cálculo levando em conta vários meses. Isso por que, mesmo que se adquira uma loja completa, ela precisará de manutenção, o que também pode ter um custo alto.
  2. Simplicidade – Apesar de ser necessário o cadastro e manutenção de todos os produtos, o processo costuma ser mais simples que todos os passos para o funcionamento das lojas próprias, onde, dependendo do fornecedor e do que o dono da loja deseja se responsabilizar, pode ser necessária a contratação de diversos profissionais e serviços à parte, que vão garantir, enfim, o correto funcionamento do e-commerce.

Agora as desvantagens da locação:

Limitações técnicas– Você não terá acesso a nenhuma parte do código, ou ao FTP onde estarão seus arquivos, ou seja, não será possível fazer nenhuma alteração que já não esteja disponível no painel de administração da loja. Em muito casos, os meios de pagamento também são bem restritos, limitando-se a um sistema pertencente ao mesmo grupo ou a um parceiro definido. Em caso de migração, também ocorrem limitações, pois será necessário um novo cadastro de produtos.

  1. Layouts Ruins – Já há algum tempo, as empresas vêm olhando um pouco mais para a estética de suas plataformas, mas ainda não há bons templates, muito menos que sejam muito editáveis, sobrando apenas alguns detalhes que podem ser alterados, e que, normalmente, não garantem um bom resultado.
  2. Otimização para motores de busca – O SEO é uma forma muito interessante de obter visitas, mas trabalhá-lo numa loja alugada pode ser quase impossível. Isso ocorre devido à falta de requisitos básicos do sistema e à impossibilidade de alterar sua arquitetura da informação. Além disso, ainda há algumas plataformas que possuem limitações de tamanhos de títulos, de tamanhos de texto e impossibilidade de inserção de mais imagens ou vídeos, dificultando muito a criação de conteúdo para os produtos.

A partir da análise dessas vantagens e desvantagens é possível ter uma ideia do que se pode ganhar ou perder alugando uma loja pronta. Vale citar também que não focamos nos prós e contras das lojas próprias, que são bem diferentes do modelo citado aqui.

Está em dúvida sobre algo relacionado a e-commerce? Visite nossa página de cursos e encontre um curso que pode te ajudar a começar ou evoluir junto a esse mercado!

 

 

Crédito das imagens:
Imagem 1
Imagem 2
Imagem 3

Internet Innovation

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *