Para que as vendas no comércio eletrônico sejam bem sucedidas, a experiência de compra proporcionada ao usuário é tão importante quanto o preço, a plataforma e a divulgação. Em um mercado cada vez mais competitivo, boas práticas de design e usabilidade podem garantir o diferencial que colocará a sua empresa à frente da concorrência.

picjumbo.com / Viktor Hanacek Para que as vendas no comércio eletrônico sejam bem sucedidas, a experiência de compra proporcionada ao usuário é tão importante quanto o preço.

Boas práticas de design e usabilidade podem garantir sucesso do comércio eletrônico.

Partindo da premissa de que quanto mais simples e rápido o processo de compra – desde a escolha do produto, disponibilização de informações ao checkout –, maiores são as chances de conquistar clientes e aumentar a conversão, preparamos algumas dicas de usabilidade que poderão potencializar o poder de venda de seu negócio.

Escolha bem as fontes e botões
É importante usar um tamanho apropriado para cada tipo de público e lembrar que, quanto maior o contraste da cor com o fundo, mais cansativa será a leitura. Portanto, deixe os contrastes fortes somente para os botões.

Os botões call-to-action também devem ter destaques sobre os elementos da página em geral. Uma boa dica é colocar efeitos para quando o mouse estiver sobre ele.

Conheça seu público
Ferramentas como o Google Analytics fornecem dados para entender melhor o seu público e identificar as etapas do processo que costumam apresentar mais dificuldade. Com essas informações, é possível promover mudanças que ajudarão a melhorar a experiência de compra.

Facilite a navegação
Para facilitar a procura por produtos, é importante categorizá-los de forma clara. Além das categorias, os filtros de pesquisa também ajudam a refinar e agilizar a busca.

Mostre apenas o que for necessário
Coloque apenas os links e informações que serão úteis para o usuário na etapa de compra em que se encontra. Por exemplo, nas páginas de checkout não é necessário exibir links para o carrinho, cadastro ou lista de desejo. Neste ponto do processo, o que interessa ao consumidor são informações sobre prazo de entrega, sugestões de parcelamento e perguntas frequentes.

Utilize ícones
Associar pontos importantes a ícones facilita a identificação. Informações de SAC, redes sociais, e-mail e carrinho, por exemplo, podem ser acompanhadas de imagens. Por outro lado, é importante não substituir o texto pela imagem. Eles devem ser complementares. Estudos mostram que a associação dos dois é muito mais eficaz do que a apresentação de apenas um deles.

Ajude o cliente a tomar decisões
Aplique os recursos e a inteligência das plataformas para ajudar o seu cliente durante o processo. Apresentar as formas mais atrativas de pagamento e sugestões de produtos, além de facilitar a vida do usuário, aumentam as chances de vendas.

Internet Innovation

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *