A palavra Hackathon vem da mistura de duas outras palavras: “hack”, que significa programar com excelência, e “marathon”, de maratona. Traduzindo o conceito para o português, Hackathon é uma maratona de programação que movimenta toda a área de tecnologia de uma empresa, podendo durar dias e totalmente focada no desenvolvimento de soluções que possam impactar a organização tanto interna quanto externamente.

A primeira Hackathon de que se tem notícias aconteceu em 1999, e desde então se tornou uma prática popular, especialmente nos Estados Unidos. Logo esse conceito se espalhou por diversos outros países, proporcionando até maratonas de programação simultâneas entre equipes internacionais.

Hackathons já fazem parte do cotidiano das empresas mais inovadoras e lucrativas do mundo, como o Facebook e o Google, e no Brasil cada vez mais empresas encontraram nessa ação uma solução para exercer a criatividade de seus colaboradores e obter soluções para as mais variadas questões do dia a dia.

Atualmente, não somente por projetos idealizados especificamente por pessoas da área de programação é constituída uma Hackathon. Conforme a prática foi se popularizado e trazendo resultados excelentes para as empresas, outras áreas foram adotando essa cultura de realizar maratonas.

Como fazer uma Hackathon em empresas que não são somente de tecnologia?

A Hackathon deve começar muito tempo antes da maratona. É importante consultar os funcionários sobre os problemas que eles identificam no dia a dia de trabalho na empresa, e com base nessas informações eleger projetos para serem executados na ação.

Depois de definidos os temas, é hora de pedir que os colaboradores se candidatem a compor os times responsáveis pela execução dos projetos. Com as candidaturas recebidas, os times devem ser formados, seja pelos próprios colaboradores, de acordo com suas afinidades, ou pela liderança da empresa, considerando os perfis e potencial de cada funcionário.

Uma das principais características das Hackathons é a possibilidade de se trabalhar ininterruptamente durante horas em um projeto. Para tornar isso possível, é imprescindível que a maratona ocorra em um local onde seja possível virar a noite com o mínimo de conforto.

Apesar de não ser a razão principal, oferecer um prêmio aos participantes pode atuar como fator motivacional, apresentando um objetivo a ser atingido que beneficia não somente a empresa e seus clientes, mas também seus colaboradores.

Oferecer uma boa alimentação para a equipe também ajuda na execução dos projetos, além de proporcionar momentos de descontração, confraternização e, acima de tudo, de respiro para os times.

Ao final da maratona, a eleição do melhor projeto deve ser feita por um júri composto de acordo com os critérios da empresa, ou até mesmo pelos competidores (sem poder escolher seus próprios projetos), sempre de forma imparcial e transparente.

Nossa experiência

Entre os dias 24 e 26/02, aconteceu em nosso escritório-sede de São Paulo, a primeira Hackathon da Nuvem Shop. Com base em propostas feitas por toda a nossa equipe, 6 projetos foram apresentados ao time, abordando desde a organização do ambiente de nosso escritório, até soluções que visam facilitar o acesso às informações da plataforma por nossos clientes.

Durante estes três dias, nossa equipe trabalhou focada em seus projetos que, a curto prazo e entre outros objetivos, tornarão a experiência de nossos clientes muito melhor com a Nuvem Shop. Você pode conferir neste vídeo https://youtu.be/ZcTIp_UK1XA  produzido por um dos times da maratona, como aconteceu essa ação.

José é co-fundador e diretor de Marketing da Nuvem Shop. Antes de atuar na área de Marketing, José atuo no setor financeiro da empresa. Nele criou a estrutura de faturamento, gerando Notas Fiscais eletrônicas (NFe) automatizadas internamente sem softwares de ERP ou faturamento. No dia-a-dia, procura focar na aquisição de clientes através de diversos canais, mostrando a filosofia Nuvem Shop para o mundo.

Fabio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *